Bön Garuda Brasil

O Bön Budismo no Brasil

BÖN

Apesar das diferentes escolas do budismo tibetano tornarem-se cada vez mais conhecidas (sobretudo a partir do exílio forçado dos tibetanos no ano de 1959), a ancestral tradição do BÖN continua sendo um sistema tão mal compreendido, quanto desconhecido, um fato que até mesmo a história oficial budista tibetana ou os especialistas ocidentais souberam tratar. Atualmente, esta situação tem-se modificado, sobretudo a partir de 1986, quando o BÖN foi reconhecido oficialmente pelo atual décimo-quarto Dalai Lama, como uma das cinco principais escolas do budismo tibetano. Ele salientou também a importância desta peculiar tradição milenar, para compreendermos o surgimento da cultura e da espiritualidade no País das Neves (Tibete)

Comumente se faz referência à tradição BÖN como um mero conjunto de práticas e rituais xamânicos primitivos, relacionados com sacrifícios de sangue, inclusive de magia negra. Seguindo a tendência imperante entre os  historiadores medievais tibetanos, alguns estudiosos ocidentais do início do século XX equipararam o BÖN ao xamanismo primitivo. Diante destas opiniões pouco fundamentadas, Löpon Tenzin Namdak Rinpoche, o mestre BÖN e o especialista vivo mais importante da atualidade, explica a evolução da sua escola ao longo de três períodos perfeitamente diferenciados:

1. O BÖN PRIMITIVO que corresponde mais ou menos ao xamanismo da Àsia Central e que representa a cultura religiosa tibetana antes da chegada do Yungdrung BÖN, procedente dos reinos perdidos de Tazig e Zhangzhung.

2.  O BÖN ANTIGO ou YUNGDRUNG BÖN, o Sendeiro espiritual que conduz à liberação e à iluminação, ensinado pelo Buda Tönpa Shenrab em Tazig e que, posteriormente, se expandiu até o antigo reino de Zhangzhung, situado no oeste do Tibete.

3. O NOVO BÖN que aparece em época tão recente como o século XV e constitui uma mistura de elementos budistas e BÖNs.

http://www.maitreia.org

http://abct.wordpress.com

http://retirobardo.blogspot.com

http://sherabling.wordpress.com


Anúncios

10 de maio de 2009 - Posted by | Uncategorized

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: